sexta-feira, 3 de abril de 2009

Jovens do século XXI: fechando as portas para o inimigo

Jovens do século XXI: Fechando as portas para o inimigo

Uma revista de grande circulação nacional publicou recentemente uma matéria a respeito da juventude atual cujo tema os coloca como sendo pragmáticos, pouco idealistas e desorientados como nunca. Em outras palavras, podemos definir um ambiente perfeito para manipulações em massa de uma juventude sem ideais e sem rumo.
Ao olharmos para a juventude cristã do passado, comparando-a com a de hoje, percebemos que mudanças grandes ocorreram. Muitas para melhor, outras nem tanto. O perigoso é que nas mudanças negativas perdemos coisas que podem afetar toda uma geração. Apesar da matéria da revista se referir ao jovem do cotidiano atual, percebemos que dentro das igrejas também tem crescido o número de jovens pouco comprometidos com Cristo, também desorientados e sem noção de rumo. Têm um conhecimento superficial das verdades bíblicas e uma enorme abertura para certos conceitos mundanos. É visível o aumento de jovens cristãos depressivos, desanimados, envolvidos com práticas lascivas. Às vezes muito envolvidos com o reino, mas muito pouco comprometidos com o Rei.
Após alguns anos de trabalho com jovens de vários lugares do Brasil, percebi esta mudança sutil em meio às igrejas brasileiras. Curas, batismos no Espírito Santo, milagres, evangelismo, assistencialismo social eram fenômenos e práticas mais freqüentes em nosso meio. Em algum momento perguntei-me o que poderia estar acontecendo com a juventude cristã hodierna. O fato é que uma das grandes mudanças já mencionadas e que poderia nos trazer grandes impactos é exatamente a superficialidade cristã resultante de um menor conhecimento das escrituras e uma conseqüente inobservância dela.
O Apóstolo Paulo escreve aos cristãos da cidade de Éfeso a seguinte expressão: “não deis lugar ao diabo” (Ef 4:27). Quando Paulo escreve a Éfeso, está tentando alertá-los das astutas ciladas do Diabo, ou melhor, a como proceder bem na sua vida com Deus. Ora, se o apóstolo os aconselha a não dar lugar, podemos inferir que Satanás pode entrar na vida de um cristão, e se ele entra, entra por alguma porta. Percebemos então o porquê de várias circunstâncias estarem atingindo alguns jovens cristãos de hoje. Portas têm sido abertas para o inimigo de nossas almas. A famosa expressão do “isso não tem nada a ver” tem sido um slogan satânico para adentrar na vida de certos jovens, desorientá-los e tentar conduzi-los a uma vida distanciada do Senhor e consequentemente a um fracasso espiritual. Questões polêmicas como músicas seculares, amizades e locais questionáveis e o sexo, têm sido algumas das principais portas de entrada para o adversário e, infelizmente, alguns têm se rendido nesta guerra contra o mal.
A música, por exemplo, é um dos meios pelos quais adoramos ao Senhor, e Satanás tem como objetivo receber de nós esta mesma adoração. Muitas músicas seculares são ouvidas hoje de forma despreocupada e sem qualquer filtro por alguns jovens e menos ainda por seus pais. Muitas delas em Inglês, o que é pior, pois muitos, por não entenderem o idioma, acabam se deixando levar pela melodia, o que é extremamente perigoso. Certa feita dava aula em um determinado curso de Inglês em Brasília, e uma das adolescentes pediu para que em nossa aula com música ouvíssemos determinado grupo norte americano de sua preferência, o que prontamente concordei. Quando preparava a aula percebi que a melodia da música era realmente envolvente, em contra partida a sua letra era literalmente uma oração ao príncipe das trevas feita por quem cantava a música para ter uma relação íntima com ele. Ao pesquisar sobre a banda descobri que era satanista. O pior é que este grupo faz sucesso entre muitos jovens cristãos. É importante que os pais saibam e filtrem o que seus filhos ouvem. Lembre-se de que o profeta Ozéias nos diz: “conheçamos e prossigamos em conhecer ao Senhor”. O termo conhecer no original em Hebraico significa conhecer intimamente. Deus quer que tenhamos intimidade na adoração a Ele.
As amizades com o mundo são outra porta escancarada para o mal. A bíblia nos fala que as más conversações corrompem os bons costumes e, ao serem corrompidos, os bons costumes são também destruídos. Certo jovem no Rio de Janeiro, após ameaçar de morte o seu pai, presbítero da Assembléia de Deus, por amor aos seus amigos, foi tragicamente morto numa emboscada pelos mesmos amigos. Verdadeiramente a amizade com o mundo nos torna inimigos de Deus. Jesus nos chamou de amigos. Ele, sim, é O amigo mais chegado que um irmão.
Outro portão aberto é o dos ambientes freqüentados. Muitos têm se enganado com os locais que freqüentam. Alguns “shows” que recebem a alcunha de “cristãos” acontecem na verdade em locais propícios a namoros ilícitos, danças sensuais e até mesmo prostituição.
Por último, a porta do sexo. Esta é a mais problemática entre elas. No país da sensualidade e da pornografia, onde no carnaval o próprio governo estimula o uso descontrolado da camisinha, autoriza cenas de sexo explícito em redes abertas de televisão através de novelas e filmes (Não é a toa que o Brasil é um dos primeiros países no ranking mundial em pedofilia), é necessário termos uma atitude firme como igreja. Alguns dos jovens cristãos têm se rendido a algumas destas práticas que certamente os levarão a um abismo espiritual. Sem dúvida nenhuma o Diabo tentará abalar as portas da igreja de Cristo. Mas, graças a Deus, pois Jesus nos afirma que as portas do inferno é que não prevalecerão contra ela.
Posto isto, concluo que devemos como igreja lutar contra o deus deste século. Apesar de estarmos na era digital, da globalização e da informação, devemos continuar com a mente de Cristo e com o firme propósito de não nos conformarmos com este mundo, mas sermos transformados pelo nosso entendimento para que possamos experimentar a perfeita, boa, santa e agradável vontade de Deus. Se os jovens no mundo estão desorientados, nós em contra partida devemos nos lançar nesta luta com as armas da santidade e mostrarmos a esta geração desorientada nossa bússola que é Cristo, o nosso alvo que é a Cruz e o verdadeiro rumo que é o Céu. Como juventude cristã, mergulhemos na profundidade da palavra de Deus, fechemos as portas para o inimigo, e então experimentaremos o verdadeiro avivamento.

6 comentários:

George André disse...

Graças a Deus por Jesus, o nosso caminho que não nos deixa ficar desorientado. E graças a Deus pela benção que é o Lobo. Deus te use cada dia mais para nos exortar, nos ministrar e sermos imitadores de Cristo.
Grande abraço, Deus te abençoe.

George André disse...

aguarde a próxima postagem. É com o tema do retiro...abraço!

Hiara disse...

Boa Noite Pastor, estive na sua
palestra realizada aqui em Xinguara
eu minha mãe e meus irmãos, confesso que foram palavras abençoadas para minha vida espiritual, onde aprendi que Deus e a unica solução para libertação de jovens que se dizem ser donos de seu próprio nariz, esquecendo que Deus esta lá no alto vendo e observando se o que fazemos é certo ou errado.
Deus é a única chave para a FELICIDADE acima de nossos Pais, que estão sempre tentando nos guiar pelo caminhos certo.
Um Grande Abraço a você e toda sua familia...
FIQUE COM DEUS...

Neu disse...

Olá Pastor!!!

Estive no Congresso dos jovens e adolescentes final de semana passado aqui na Bahia e o senhor foi o intérprete do pastor Randy Johnson , minha família e eu ficamos agradecidos a Deus por essa sua missão que transcendeu a interpretação , pois o senhor transmite não somente inteligência, humildade , espontaneidade , graça , mas também és cheio do Espirito Santo de Deus...

Deus o abençoe mais e mais !

Gostaria de saber como adquirir livros seus ?

Graça e paz!

Mikelane disse...

ah eu tbm fui no congresso de jovens aqui em Feira de Santana ...
foi perfeito Deus falou fore comigo .
Pr Lobo estas de Parabéns ...
otimo trabalho de interprete :)
Deus abençõe o Senhor e a Sua família :)

António Jesus Batalha disse...

Blog encantador,gostei do que vi e li,e desde já lhe dou os parabéns,
também agradeço por partilhar o seu saber, se achar que merece a pena visitar o Peregrino E Servo,também se achar que mereço e se o desejar faça parte dos meus amigos virtuais faça-o de maneira a que possa encontrar o seu blog,irei seguir também o seu blog.
Deixo os meus cumprimentos, e muita paz.
Sou António Batalha.